Deu match, e agora?

Deu match, e agora?

“Dar match” surgiu do aplicativo “tinder” quando duas pessoas aprovaram e curtiram a foto uma da outra e o aplicativo abre um chat para a conversa e talvez um futuro encontro. Há alguns anos atrás se usavam outros termos: “ O telefone tocou”, “ O coração bateu mais forte”, “ O olhinho brilhou”, enfim, o tempo passa, as expressões mudam, mas o sentimento é o mesmo, é aquela reação de duas pessoas que acabam se vendo, se sentem atraídas uma pela outra e acabam querendo ter “algo mais”.

Tenho uma “fonte de pesquisa” em casa, fiz algumas perguntas para minha filha de 13 anos. Eis abaixo as perguntas, as respostas dela em itálico e depois alguns comentários meus:

O que devo fazer quando encontrar aquele menino e sentir que deu “match”? Na minha opinião quando começamos a gostar de alguém, ou quando nos apaixonamos por alguém, nós devemos entregar todos os nossos sentimentos a Deus para não sofrer depois.

Sei exatamente como é esta sensação, você pensa na pessoa 24 horas por dia, 24 mesmo porque você acaba até sonhando com a pessoa, de fato, paixão é assim mesmo, você fica em um estado emocional quase vegetativo e cego por causa da pessoa. Você quer ver a pessoa, quer conversar com ela, e principalmente quer falar pra ela do teu sentimento e descobrir se ela sente o mesmo que você. É neste ponto que muitas pessoas acabam fazendo coisas idiotas ou burras. Perdoem a força dos termos, mas é isso mesmo. Um texto bíblico bem conhecido e que representa muito bem esse estágio é o de 2 Sm 13, onde Amnon se apaixonou pela sua meia-irmã Tamar e acabou cometendo um ato repudiante. Este ato teve várias outras consequências e a própria morte foi um deles. Então, quando encontrar alguém e sentir que “deu match”, em primeiro lugar: “Segura a onda…não faça nada idiota…respire e ore…”

Como deve ser essa pessoa? A pessoa deve ser cristã, e antes de começar um relacionamento, os dois devem orar para saber se é mesmo da vontade de Deus.

Muitos falam em jugo desigual, a palavra “jugo” se refere a uma canga daquelas que os bois usam, isso mesmo…se um boi é maior que o outro, acaba dando diferença. Assim como em um relacionamento onde duas pessoas planejam andar juntas. Se a canga pesar mais para um lado, não vai “dar boa” sempre alguém vai sair prejudicado. É bom lembrar aqui que jugo desigual não é só com pessoas que não compartilham a mesma fé, um cristão e outro incrédulo, é isso também. Jugo desigual também tem a ver com propósitos diferentes. Duas pessoas que querem totalmente coisas opostas, também estão em jugo desigual. Por exemplo: Um planeja viver o futuro viajando, escolhe uma profissão que vá fazer isso para o resto da vida e a outra pessoa planeja viver numa mesma cidade, sem sair de lá, isso não tem futuro…vai dar problema. Quando os propósitos de vida são totalmente diferentes não dá certo. Essa frase pronta de “opostos se atraem” (já escrevi anteriormente sobre isso) geralmente não cola.

Quais são os princípios que devo levar em conta? Ser cristão, orar, ler a Bíblia, ter uma aliança com Cristo, respeitar os outros à sua volta (porque se a pessoa não tem respeito com os outros, ele não terá respeito em um relacionamento com você).

Muitas vezes queremos pessoas perfeitas, essas pessoas não existem, nós somos muito imperfeitos, mas também não podemos sair por aí aceitando “qualquer coisa”. “O que cai na rede é peixe” não é bem assim, lembre-se que no segundo dia o peixe fede…rs. Uma pequena lista com qualidades da pessoa ideal é uma boa ideia. É bom ressaltar que qualidades físicas não devem estar no topo da lista. As características devem ser da personalidade da pessoa, do jeito de ser dela. É claro que um rostinho bonito ajuda, mas engana bastante! No caso de um rapaz, note muito bem como ele trata a mãe dele. E no caso de uma moça, note como é a relação dela com o pai. São alguns detalhes interessantes de observar. Outra coisa: essa pessoa tem um relacionamento diário com Cristo? Ou só “bate o cartão” no final de semana na igreja? Como ela se relaciona com outras pessoas? O que é prioridade na vida dela? Muitas perguntas devem ser feitas neste momento e se surgir alguma dúvida, por menor que seja, fique atento! Fique alerta!

Quais são os princípios que eu sigo e que a pessoa deveria seguir? Ter uma aliança com Cristo (dentro disso vem todo o resto: orar, ler a Bíblia, etc.). 

Essa questão é muito pessoal e creio que cada um deveria fazer um autoexame. Muitas vezes queremos das pessoas aquilo que nós não somos. Por exemplo: quero namorar e casar com um cara que leia a Bíblia todos os dias, que ore, que sirva em algum ministério na igreja, etc., Mas e eu? Eu faço isso? Estou buscando um bom partido, mas eu estou sendo um “bom partido”? Devemos buscar as melhores qualidades, mas é bom lembrar que as outras pessoas também estão buscando. E com certeza é hipocrisia exigir de uma pessoa aquilo que a gente também não é.

Para que serve um relacionamento? Só para curtir? Na minha opinião, se você não se imagina passando o resto de sua vida com tal pessoa, não tem o porquê de vocês estarem juntos. Em um relacionamento, um deve “completar” o outro e se ajudarem a se manterem firmes nos caminhos de Deus. Se você estiver em um relacionamento só para curtir, isso pode te machucar muito por não ser do jeito certo e conforme o Senhor quer. 

O amor é a essência de Deus, Ele que criou os relacionamentos para sermos pessoas melhores, pessoas que vão sendo lapidadas para louvor da “Sua glória”. Sim fomos criados para glorificar a Deus. E o alvo de um relacionamento genuíno deve ser esse: glorificar a Deus. Se de alguma maneira um relacionamento não estiver fazendo isso, a pessoa deve sair dele enquanto há tempo! Nunca estaremos completos e satisfeitos se não estivermos dentro da vontade de Deus que é “boa, agradável e perfeita”. Deus nos fez à Sua imagem e semelhança e somente somos completos e realizados nEle! Nunca a outra pessoa pode tomar o lugar de Deus na nossa vida. Não precisamos de outra pessoa para nos sentirmos completos, pois quem nos completa de fato é Deus, em Jesus Cristo. Um namoro, um noivado e um futuro casamento devem conter duas pessoas completas e realizadas em Deus e somente nEle e seguirem juntas no mesmo propósito de glorificar o Seu nome. Não caia na besteira de namorar só pra curtir, os propósitos de Deus são maiores e Seus planos perfeitos!

Greyce Hepfner Scholz