FéMenina

Por que Deus criou a mulher?

   Ouvimos muitas vozes, desde pequenas, dizendo coisas que a mulher deve ser: “mulher de tal jeito não presta”, “isso é mulher de verdade”, “mulher boa é assim”, “isso não é coisa de mulher”, “você aí, seja uma mulher assim ou assado”. São diversas linhas de pensamento, vindas de várias lugares e muitas delas são mentirosas e perigosas! Nenhuma delas explica para que a mulher foi criada, apenas em Deus, o nosso criador, encontramos essa resposta. Vamos aprender um pouco sobre isso?

   Todas as coisas foram criadas para a glória de Deus e para o seu louvor, pois Ele é digno (Ap 4:11) e assim também a mulher foi criada para que glorifique ao Senhor. Porém o pecado nos afastou de Deus, o tirou do seu lugar do centro de nossas vidas e tirou de nós a nossa identidade em Deus, destruiu o nosso relacionamento com o Criador, com nós mesmas e com o próximo. É como se o pecado colocasse uma lente suja, nos impedindo de enxergar perfeitamente, a nossa visão sobre tudo, fazendo com que, por não conseguirmos enxergar perfeitamente, nossos conceitos ficassem todos deturpados. Essa visão embaçada nos faz acreditar que podemos definir quem somos com base em nós mesmos, mas apenas aquele que nos criou em suas mãos pode definir quem somos e dizer para que fomos feitas.

   Deus fez a mulher segundo a sua imagem e semelhança, refletindo a sua natureza, assim como ao homem! Homem e mulher são igualmente valorosos para Deus e estão sob a mesma missão (Gn 1:26-28). A mulher complementa o homem, pois ambos refletem a natureza de Deus de formas diferentes, a mulher não é independente do homem e o homem não é independente da mulher, um depende do outro, afinal uma mulher foi criada a partir de um homem e todo o homem nasce da mulher (1 Co 11:11-12). Mas o que é mais importante é que ambos vieram de Deus e foram criados por Ele para um mesmo propósito.

   A mulher foi criada a imagem e semelhança de Deus, dotada de dons, capacidades, habilidades e inteligência dadas por Deus. Quando Deus criou a humanidade viu que o que havia criado era “muito bom” e estamos incluídas nisso – entenda que o “muito bom” não é por causa de quem somos mas por causa de quem nos criou (Gn 1:31). Deus nos criou seres com dignidade, direitos, em uma relação de parceria com o homem. Não somos limitadas por sermos mulheres ou mais fracas intelectualmente, se alguém te disse algo do tipo, rejeite essa mentira! Deus nos deu muitas capacidades para serem usadas para a sua Glória!

   Honrar a Deus como mulher é desenvolver todo o potencial criativo, artístico, intelectual e social que Ele lhe deu, usando os seus talentos, aproveitando o seu tempo e as oportunidades que Deus te deu (1 Co 10:31). Agir conforme a nossa natureza feminina, criada por Deus, é ser uma mulher que trabalha duro, seja fora de casa ou dentro dela, dá o seu melhor nos estudos e trabalha para a edificação da igreja, fazendo tudo conforme a capacidade que Deus te deu, pela força de um espírito manso e tranquilo (1 Pe 3:4).

A fonte da nossa satisfação
Podemos buscar nos satisfazer em ideologias, em relacionamentos, na comida, na profissão, podemos querer ser independentes e fazer o que quisermos, mas nada disso irá preencher nosso ser. Jesus encontra uma moça que buscou satisfação em vários lugares, mas nada a deixou satisfeita, se tornou mal vista pela sociedade e deixou com que outros definissem quem ela era. Ela achava que conhecia a Deus, porém não o adorava verdadeiramente, mas Jesus lhe disse: “Quem beber desta água terá sede outra vez, mas quem beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Ao contrário, a água que eu lhe der se tornará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna” (Jo 4:13-14). Essa moça teve um encontro com o Messias, o Salvador, aquele que a conhecia como ninguém (Jo 4:29).

   Moça que está lendo esse texto, não sei o que você acredita sobre o que é ser mulher, não sei o que te dizem sobre quem você é como mulher, mas peço que deixe, que apenas o Criador te mostre para que você foi chamada! Ele tem um propósito para as mulheres e nada do que o mundo diga pode mudar o que o Criador diz. O que falta às mulheres é encontrarem a verdade sobre si mesmas no seu Criador! Você não precisa se libertar, nem que outros te libertem, apenas Cristo tem o Poder de te libertar, pelo seu sangue na cruz!

   A mulher que cultiva um relacionamento com aquele que a criou, com o seu Deus e Pai, não necessita de mais nada para satisfaze-la, Deus é suficiente e o único que pode preencher seu vazio. Saiba que nenhum título, cargo, marido, namorado, filhos, diversão, carreira, ou qualquer outra coisa que o mundo te oferecer irá te satisfazer, apenas Cristo tem a fonte de água viva, onde sempre estará satisfeita.

O mandato do Criador
Em Gênesis 1:26-28 Deus nos dá um mandato cultural e cabe a mulher usar as suas capacidades dadas pelo Criador para agir para o bem da criação e da família, sob o cuidado da liderança masculina ¹. O que isso quer dizer para nós? Não vivemos para nós mesmas! O nosso fim não é nossa própria felicidade, não trabalhamos apenas para pagar nossas contas e comprar nossos mimos, mas nosso fim é para o Reino de Deus! Cada coisa no seu tempo, mas sempre pensando no Reino de Deus e não apenas no seu reino próprio. Você que é adolescente, use o seu tempo na escola, em sua casa, na igreja e aproveite as oportunidades que tem nesse tempo. Se você está prestando vestibular, faça da melhor maneira para que também glorifique a Deus, se você está na faculdade da mesma maneira, se trabalha também, se mora com os seus pais, em repúblicas ou sozinha, sempre tenha o Reino de Deus em primeiro lugar e dedique-lhe tempo. A vida tem várias fases e em todas precisamos exercer nosso serviço a Deus (Rm 12:6-8).

   Algo triste que tem acontecido entre as meninas do nosso tempo é que muitas de nós tem cada vez mais rejeitado a perspectiva de uma vida com filhos. Algumas até pensam em casar, mas não querem ter filhos ou os desejam o mais tardar possível. Afinal como teríamos liberdade com alguém que dependerá de nós? Mas a maternidade também é um propósito de Deus para as mulheres! Todas as mulheres vão ser mães? Não. Porém essa escolha não é nossa, Deus é quem dá a vida e permite a uma mulher gerar a vida (Sl 22:10).

   Se você tem alguma dificuldade nessa área, se tem algum trauma, peça que Deus a ajude a aceitar seus propósitos para você. O desejo de ter um marido e filhos não é algo que devemos idolatrar, mas também não devemos ver como algo inferior, pois faz parte dos planos de Deus. Pensar que ter que se dedicar a cuidar de alguém seria uma vida inferior é viver apenas para seus próprios prazeres, viver para se satisfazer. Uma vida em que tudo aquilo que pode contrariar os seus desejos, não é bem vindo, é viver uma vida para si e não dedicada a quem a criou.

   A mulher que encontra a satisfação em Deus não vive para o lar, mas se dedica a seu marido e filhos, pois assim também estará satisfazendo a vontade do seu Senhor e vivendo para a edificação do Reino. A esposa e mãe que trabalha apenas em casa ou fora de casa também faz seu papel para o Reino, cumprindo o propósito de seu Criador para ela. Ela também encontra tempo para exercer seus dons para cuidar de outros fora de sua família, cooperar na igreja e também ajudar seu marido a também cumprir seu chamado, orando por ele, o ouvindo, sendo sua auxiliadora idônea e este não é um papel inferior ao do seu marido, mas de honra igual. Em seu livro, Renata Veras diz: “Uma vida de plena satisfação só é possível se vivida diante e de acordo com o Criador. Aquele que criou homens e mulheres iguais em dignidade e diferentes em função a fim de cooperarem em indispensável harmonia complementar.” Se isto for o que Deus quer para você que está solteira, namorando ou noiva, desde já prepare seu coração para exercê-lo. Peça para que Deus a prepare e a molde para uma vida em plena satisfação no Criador, seja estando solteira, apenas esposa ou uma esposa e mãe. Não existe apenas um caminho para nós, nenhum dos caminhos é uma imposição, e nenhum desses caminhos servem para satisfazer nossos caprichos, mas sim para viver pelo Reino de Deus.

Para você, Fémenina!
Analise sua mente e coração, as ideias que você tem sobre si como mulher e peça para que Deus lhe mostre onde estão firmadas, se estão na Bíblia ou em ensinamentos e palavras de homens e mulheres. Rejeite ensinamentos que não estão na Palavra de Deus! Mas analise tudo o que te dizem através da Palavra, que seja ela a lente por onde você enxerga a tudo (2 Tm 3:16-17).

Leia os capítulos de Gênesis 1 e 2 atentamente e veja o cuidado e amor de Deus sobre a sua criação.
Fique atenta nos textos desse mês aqui no Fémenina! Vamos juntas aprender sobre o que Deus diz sobre as mulheres e sua missão.

Um abraço,

Larissa de Lana Nascimento

Referências:
Lugar de mulher é onde Deus disser. Renata Veras. Editora Peregrino. 2019
A dama, seu amado e seu Senhor. T. D. Jakes. Editora Mundo Cristão. 1999.
O que Deus diz sobre as mulheres: Feminilidade x Feminismo. Kathleen Nielson. 2019.

Postagens Recentes

Enfim, a hipocrisia

Vejo na Internet ultimamente: Na defesa de quem ofendeu por racismo, a ofensa com palavras de gordofobia ou ódio; O posicionamento contra o aborto é

Leia mais »

Categorias