FéMenina

História de Amor – Isadora e William

Olá fémenina, tudo bem?

Me chamo Isadora, tenho 22 anos e hoje vou contar para ti minha história de amor.

Não me recordo muito bem de quando conheci o William, pois desde pequenos íamos à igreja. O pai dele é pastor e por isso ele nasceu em berço cristão. Eu comecei a frequentar a igreja quando tinha 8 anos, juntamente com minha mãe. Às vezes via o William no culto infantil, mas o achava muito chato 😅.

Passou-se algum tempo e, minha mãe e eu, nos batizamos e começamos a participar de mais programações da igreja. Lembro-me de um dia específico em um casamento em que o William e eu começamos a conversar um pouco mais, nesta época eu tinha 13 anos e ele 14 anos, deste dia em diante começamos a conversar no MSN e por SMS o dia todo kkkkk, algumas vezes ficávamos nos telefone por 3 horas seguidas (não sei o porquê de tanto assunto). Logo, nossos pais começaram a perceber que tinha algo a mais, algumas vezes minha mãe até deixava ele me visitar como amigos e eram os dias mais felizes pra nós hehehe.

Então, um dia, ele me mandou uma mensagem no MSN dizendo que gostava de mim e eu disse que também gostava (óbvio), e assim decidimos namorar. Só tinha um problema: nossos pais não permitiram o tal namoro, principalmente minha mãe que dizia que só quando eu tivesse 15 anos (e eu só tinha 13 😱). Nesse dia ficamos muito tristes, era choro pra lá e pra cá, às vezes nos desentendemos, mas nem namorados éramos pra brigar tanto.

Esses dois anos se passaram rápido (olhando hoje é claro, pois na época foi uma eternidade) e então finalmente completei 15 anos. A partir daí, veio a tal conversa sobre namorar, mas então minha mãe disse que agora era só com 16 anos 😱. Poxa vida! Caiu o mundo de novo hehehe.

Nesse 1 ano de espera, às vezes ficávamos mais próximos, às vezes não, mas seguíamos orando um pelo outro. Até que finalmente, no dia 17/11/14 começamos a namorar, 5 dias depois do meu aniversário de 16 anos. Por sermos muito novos, acabávamos brigando bastante, cometemos erros um com o outro e terminamos algumas vezes (os amigos que lutem). Hoje vejo que poderíamos ter esperado um pouco mais para iniciar o namoro, mas na hora a gente não pensa e quer apenas seguir o coraçãozinho ansioso. Nesse tempo também amadurecemos, terminamos o ensino médio, começamos e terminamos a faculdade (eu administração, ele contabilidade). Começamos a trabalhar e juntar dinheiro para casar, mas sem ter nenhuma data em mente, só deixando os anos passarem. Até que em 2018 acabamos brigando e terminamos sério, até parecia que não tinha mais volta. Ficamos 6 meses terminados e no início de 2019 decidimos voltar e marcar a data do nosso casamento pra valer 🙏🏽🙏🏽.

Em junho de 2019 noivamos e começamos a nos organizar para casar dia 17/10/20. É incrível o quanto somos abençoados a partir do momento que tomamos uma decisão, muitas pessoas nos abençoaram com presentes lindos e nossos padrinhos foram incríveis, estava tudo pronto para casar : Salão, buffet, vestido, apartamento mobiliado… Porém, veio uma história de coronavírus 👀👀👀. A princípio a gente não deu bola, afinal era março e o casamento só em outubro, o problema foi que a coisa não melhorou mais e daí bateu o desespero. Fiquei muito deprimida e me perguntava: “porque eu?” Depois de quase seis anos esperando, isso aconteceu justo comigo.

Tive diversas ideias, diminuí a lista, troquei de lugar. Mas, conforme ia se aproximando a data, nenhuma delas iriam ser possíveis. Então, tive que tomar apenas uma decisão: casar no dia que havia escolhido ou esperar o dia que fosse possível 🤷🏽‍♀️.

Decidimos prosseguir confiantes e casar no dia 17 de Outubro como havíamos planejado. Fizemos uma cerimônia bem reduzida e depois um almoço na casa dele. Foi um dia muito abençoado por Deus, mesmo com todas as restrições, não me arrependo, pois hoje estamos vivendo dias muito abençoados na presença de Deus e caso tivéssemos adiado, ainda estaríamos sem perspectiva alguma de uma nova data. Mesmo com os problemas, sempre temos Deus em primeiro lugar, principalmente meu esposo, que sempre buscou a orientação de Deus para nós, nos momentos em que fico nervosa, ele sempre ora comigo, trás uma palavra, cuida da nossa família e para mim isso, isso é o principal na hora de escolher alguém para passar o resto da vida.

Se pudesse deixar algum conselho a você que está solteira é: não se apresse para namorar, pois se é da vontade de Deus, vai dar certo. Quando encontrar a pessoa certa, tire tempo, ore desde já sobre o casamento, organize a festa, escolha as coisas com tempo e aos poucos, pois passa muito rápido. É muito bom escolher as coisas da maneira que sonhamos (e como sonhamos né?). Comecei a organizar minhas coisas 1 ano e 3 meses antes e foi um tempo muito abençoado! Também é muito importante escolher o lugar onde você vai morar e como irão se manter quando começarem a viver juntos, e o principal: escolher alguém que tenha Deus em primeiro lugar no seu coração, que seja seu líder espiritual e líder do seu lar, pois assim como eu, você se sentirá segura e feliz no seu dia a dia.

Aqui o vídeo do nosso Casamento:

Deus abençoe a todas!

Quando ainda éramos adolescentes e amigos

  Quando noivamos <3

Enfim, casados!

Postagens Recentes

Categorias