Como me preparar para casar estando super solteira?

Gosto desse assunto. Ah, se gosto. Dificilmente você encontrará uma solteira que não tenha o sonho de casar. Mas algo que percebo é que poucas vezes falamos com as solteiras sobre a importância de nos prepararmos para o futuro sendo intencionais no presente. Não deixar para apenas amanhã pensar na esposa que eu quero me tornar, mas hoje mesmo, sem ter o controle da resposta final em minhas mãos, estar construindo a mulher que quero ser amanhã.

Mas lembro-me de uma história atípica para contar para vocês. Quando estava no Seminário (FBP), em um dos cultos semanais, veio uma missionária solteira testemunhar sobre o país em que ela fazia missões e ela disse em alto e bom som que não queria que as pessoas orassem para ela casar. Sim, é isso que você leu! Meninas, vocês não fazem ideia dos burburinhos que esta afirmação trouxe nas nossas conversas entre amigas. Ficamos abismadas! Como assim? Ela não queria casar? Depois de muito tempo, esta mesma missionária em contato com uma amiga, disse que passaria a aceitar orações para Deus colocar alguém em sua vida, pois ela achava que já estava na hora de orar por este assunto. Não sabemos se ela casou ou não, mas algo chamou a minha atenção: ela deixou para pensar no assunto do casamento lá na frente. 

Por que contei esta história atípica e nada tradicional? Porque em geral, nós mulheres temos inerentes em nós o sonho de casar e construir uma família. E em nossas rodas de conversas enquanto solteiras, rasgamos o coração com sinceridade, falamos sobre o doce amargo da espera, falamos sobre os sonhos frustrados, sobre como temos que lutar para não desejarmos viver a vida de nossa amiga que está quase casando ou que voltou da lua de mel. Vivemos sob alerta. Vivemos atentas. Vivemos a espera – sem crase mesmo, amiga! Vivemos com intensidade esta fase da vida. 

Por isso, neste dia, quero que você pense que toda sua jornada como solteira pode somar para o tipo de relacionamento que você deseja ter no futuro. A mulher que você é hoje, você levará para os seus relacionamentos e isso pode ser algo muito legal ou até mesmo preocupante. O seu estilo de vida, sua personalidade, suas escolhas, suas manias, seus hábitos e rotinas irão contigo. Não serão desvinculados após o teu “sim, eu aceito”. Eles serão carregados contigo para dentro de seu novo lar. 

Dessa forma, separei alguns bons hábitos que poderão ser úteis para sua vida como um todo. Independente se “aquele lindo dia” demorar a chegar (ou até mesmo não acontecer). Estas ações te tornarão alguém ainda mais preparada para a vida real.

Vamos lá?

Aprenda a apreciar.

Uma das super dicas para você ter bons relacionamentos é aprender a ver as qualidades das pessoas. Esse treino é o que mais recomendo hoje e sempre. É fácil focar só naquilo que o outro faz de ruim. É fácil concentrarmos nos 10% negativos e esquecermos dos 90% de acertos.

Olhar para o outro tentando encontrar defeitos, pode tornar-se o teu estilo de vida e isso é muito sério. Pois este hábito é maligno e nos torna críticas, sem compaixão e afasta as pessoas para longe de nossos corações. 

Se hoje você só consegue ver defeitos nas pessoas, tire um tempo e vá conversar com Deus. Pode ser que seu coração é que esteja defeituoso e esteja precisando de um trato especial do Criador. Eu falo por experiência própria, quando estamos críticos demais, precisamos deste trato com urgência.

Tenha uma expectativa equilibrada sobre o outro

Não tenha expectativas altas demais sobre o outro. Todos erram e sempre vão errar. Você se relacionará com uma pessoa imperfeita e quanto antes você compreender isso, melhor será. Da mesma forma que você precisa e gosta de receber graça, aprenda a dar graça ao outro. Ninguém é perfeito. Por mais lindo e cheiroso que seja seu partidão, ele vai te desapontar, vai te ferir sem perceber e você fará o mesmo com ele. Por isso, lembre-se: vocês serão dois pecadores que precisarão todos os dias aprender com Jesus a perdoar e isso será uma jornada maravilhosa. 

Desenvolva o hábito de ser sincera 

Para algumas pessoas, isso pode ser muito fácil, já para outras, isso pode ser devastador. Sim, amiga. É assim mesmo. Nós fomos chamadas para vivermos uma vida integra e sem manchas. E uma das características que combinam com a integridade é a sinceridade. Falar com jeito, mas falar. Não guardar mágoas. Ser sincera quando machucar. Não queira disfarçar e não caia na armadilha de “emburrar-se no seu canto” – isso não ajuda em nada (nadica mesmo). Este é um dos treinos mais legais que você pode ter para teu futuro, pois reconhecer as feridas abre caminho para colocarmos o remédio certo nelas e seguirmos em frente com leveza e alegria.

Não fuja da resolução de conflitos

Imagina? Ter que ouvir do outro o que de ruim ele pensa de mim?

Saiba que isso não é nada fácil. Afinal de contas, desde Adão e Eva somos treinados na escola da fuga. Pecamos, falhamos e não gostamos de sermos confrontados e nem de confrontar, mas precisamos adquirir este hábito para termos relacionamentos sólidos e profundos.

Desde já, fique ciente de que precisamos falar com clareza aquilo que gostamos e esperamos do outro e não ficarmos achando que eles irão adivinhar nossos pensamentos de forma mágica. Aprender a falar, faz com que você possa ouvir a opinião da outra pessoa e ouvir aquilo que pode ser doloroso para você, mas necessário para seu crescimento. 

Seja feliz hoje

Eu não me canso de te dizer isso, né? Se fizer uma busca em todos os textos que eu escrevi para solteiras, estando solteira ou casada, eu sempre bato nesta mesma tecla. Sua felicidade ou tristeza irão com você por onde você for. Então, seja insistente e ouse buscar e viver a plenitude de vida que Jesus preparou para você. Não deixe a ideia mundana de que o fulano te completará tomar lugar em seu coração. Você é completa em Cristo e pode ter sua vida complementada por um outro alguém completo e feliz.

Poderia continuar esta listinha até amanhã. Afinal de contas, hoje nos preparamos para a pessoa que seremos amanhã. Mas vou deixar você aí na sua casa, analisar o seu coração com sinceridade:

Quais maus hábitos eu não quero levar para meu futuro relacionamento?

Tenho falhado em algum destes aspectos? 👇

  • Ser uma apreciadora
  • Ter uma expectativa equilibrada sobre o outro
  • Desenvolver o hábito de ser sincera 
  • Não fugir da resolução de conflitos
  • Ser feliz hoje

Tenha um dia incrível e nos veremos por aí, se Deus quiser.

Beijokas da Martinha.

Posted in Beleza Verdadeira, Casamento, Conselhos de amiga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *