FéMenina

Alegrem-se (parte 1)

Ale­grem-se sem­pre no Sen­hor. Nova­mente direi: Ale­grem-se!” (Fil­ipens­es 4.4 — NVI)

Oi, guria!! Como você está? Aqui é a Mari e a Ked, esta­mos aqui pra con­ver­sar um pouquin­ho con­ti­go sobre essa estação tão espe­cial, a Pri­mav­era! 🌻

A nos­sa vida pode ser com­para­da com as estações do ano, pas­samos por momen­tos ale­gres, tristes, mas o mais impor­tante é sem­pre lem­brar que não esta­mos soz­in­has durante todos ess­es proces­sos. Quan­do esta­mos pas­san­do pelas estações mais difí­ceis nos ques­tion­amos o porquê de tudo que esta­mos viven­do, mas nes­sas horas pre­cisamos lem­brar que Deus está conosco em todas as estações!

A car­ta aos Fil­ipens­es tem como um dos temas cen­trais a neces­si­dade da ale­gria, inde­pen­den­te­mente das cir­cun­stân­cias, sejam elas agradáveis ou não. Não é à toa que é con­heci­da como a car­ta da ale­gria. Mas você me diz: “é fácil falar, você não sabe pelo que estou pas­san­do, ten­ho motivos de sobra para recla­mar e não estar ale­gre!” Eu real­mente não sei e não tiro sua razão, mas olhan­do para a situ­ação Paulo, difi­cil­mente ter­e­mos prob­le­mas à altura, ele esta­va pre­so e sendo persegui­do por sua fé em Jesus, já havia pas­sa­do todo tipo de neces­si­dade de aban­dono, vio­lên­cias físi­cas e psi­cológ­i­cas. Isso não diminui nos­so sofri­men­to, mas nos faz ter out­ra per­spec­ti­va e lem­bra que é o Sen­hor que nos for­t­alece e dá alegria. 

Por isso, pre­cisamos apren­der com Paulo a estar feliz em toda e qual­quer situ­ação. Nes­sa car­ta, Paulo vai nos ensi­nar a faz­er isso, ele tin­ha tudo para estar recla­man­do, pois esta­va pre­so enquan­to escrevia, mas em vez dis­so, ele exor­ta os irmãos e nos exor­ta tam­bém, a viv­er con­tente. Paulo pas­sou por altos e baixos, teve momen­tos que esta­va com far­tu­ra, esta­va livre, esta­va bem e por isso pode­ria glo­ri­ficar a Deus, mas em muitos momen­tos esta­va viven­do coisas não muito legais, como a prisão e o naufrá­gio. Ape­sar de tudo isso, ele diz em Fil­ipens­es 4.12 e 13 (NVI):

 “Sei o que é pas­sar neces­si­dade e sei o que é ter far­tu­ra. Apren­di o seg­re­do de viv­er con­tente em toda e qual­quer situ­ação, seja bem ali­men­ta­do, seja com fome, ten­do muito, ou pas­san­do neces­si­dade. Tudo pos­so naque­le que me fortalece.” 

Você con­segue diz­er igual a Paulo? Que pode se con­tentar naqui­lo que você tem hoje?

Todas as estações nos ensi­nam, muitas vezes, no momen­to que esta­mos pas­san­do pelas situ­ações mais difer­entes, não sabe­mos muito bem o que faz­er e como agradar a Deus, mas ape­sar dis­so, tente sem­pre estar con­tente em Deus, para dar glórias a Ele por tudo que Ele tem feito na sua vida.

Hoje, quer­e­mos desafi­ar você a pen­sar e repen­sar suas ati­tudes em relação à pri­mav­era. Você já pen­sou que seu momen­to de difi­cul­dade, ou dor nun­ca pas­saria? Quan­do pen­samos na pri­mav­era, um sen­ti­men­to de paz e ale­gria invade nos­sos corações, pois afi­nal, quem não gos­ta de flo­res? Eu (Mari) par­tic­u­lar­mente amo a pri­mav­era, a estação mais col­ori­da e ale­gre do ano. Talvez o seu inver­no este­ja demor­an­do para pas­sar, mas ten­ha essa certeza, demor­an­do ou não, ele vai pas­sar. E quan­do pas­sar, apre­cie a pri­mav­era, o flo­rescer e o con­tenta­mento.

Todo este sofri­men­to que o inver­no nos traz con­verte-se em apren­diza­dos e fru­tos que são vis­tos na pri­mav­era, com os botões desabrochan­do e uma nova aparên­cia surgin­do de den­tro para fora. É des­ta maneira que Deus tra­bal­ha, primeiro mudan­do nos­so coração e depois geran­do fru­tos que são visíveis. Bom, o mes­mo Paulo, na car­ta aos Gálatas, nos expli­ca que temos em nós o Espíri­to San­to que nos dá uma grande ajud­in­ha, Ele gera o seu FRUTO em nós: 

“Mas o fru­to do Espíri­to é amor, ale­gria, paz, paciên­cia, ama­bil­i­dade, bon­dade, fidel­i­dade, 23. man­sid­ão e domínio próprio. Con­tra essas coisas não há lei” (Gálatas 5.22 e 23 NVI).

Qual fru­to você pode diz­er que está dan­do ago­ra? Você tem desen­volvi­do o fru­to do Espíri­to San­to? Se você acha que ain­da não tem, ore e peça a Deus que Ele fru­ti­fique em suas lim­i­tações, na sua vida como um todo. É tem­po de pri­mav­era! Então podemos dizer: 

é tem­po de flo­rescer para dar fru­tos que permaneçam!

Postagens Recentes

Desconstruindo um TABU

O que é a vida ide­al para a maio­r­ia de nós?🤔 Talvez seja con­tin­uar sendo chama­da de prince­sa mes­mo após adul­ta, encon­trar o seu príncipe do

Leia mais »

Florescendo (Parte 2)

A pri­mav­era traz dias com tem­per­at­uras ame­nas, é con­heci­da como a estação das flo­res, aqui no Brasil é mais car­ac­ter­i­za­da como uma estação de transição

Leia mais »

Alegrem-se (parte 1)

“Ale­­grem-se sem­pre no Sen­hor. Nova­mente direi: Ale­­grem-se!” (Fil­ipens­es 4.4 — NVI) Oi, guria!! Como você está? Aqui é a Mari e a Ked, esta­mos aqui pra

Leia mais »

Categorias