Sim, ainda estou solteira (o)

Reading Time: 4 minutes


O motivo de escrever esse post é mais simples do que você possa imaginar. Não é um grito desesperado, nem muito menos um desabafo de uma menina estressada na TPM, mas sim falar de um assunto que é real na vida de todas as pessoas em alguma fase de sua vida.
Alguns fatos curiosos cercam este nosso universo de solteiros. Muitas vezes as perguntas que nos fazem são previsíveis e o famoso cumprimento: “Olá, tudo bem com você?” é substituído rapidamente pela pergunta “Oi, você ainda está solteira (o)”?
O mais divertido dessa fase, não são essas perguntas leves em nossa frente, mas aqueles comentários subjetivos, (aqueles que parecem como nuvenzinhas na TV – não podemos ver, mas sabemos que estão ali pertinho, na cabeça de nosso amigo) como: “Tadinha dela, não conseguiu superar os traumas passados” ou “ele tem uma personalidade forte é por isso que está sozinho”, ou aqueles mais diretos ainda: “Você tem que deixar brechas para os(as) meninos(as) se aproximarem de você”…
Quem é solteiro sempre recebe muiiiiitos conselhos, muitos mesmos. E todas essas perguntas e conselhos exigem respostas, mas quem disse que estamos prontos para responder com alegria e delicadeza a todas essas perguntas? Não, nem sempre acertamos, às vezes descontamos no último coitado que nos pergunta: “ainda está solteira?” Muitos estão solteiros por opção, outros por entenderem que ainda não surgiu aquela pessoa que quer dividir sua vida.
Uma coisa é certa, a maioria das pessoas quer casar, construir uma família e blábláblá. Desde muito cedo nos ensinam sobre o amor. Ele faz parte de nós. Nós mulheres, temos nossos sonhos lindinhos e coloridos estampados em nossas faces, já os homens, num canto da gaveta bem escondido do sorriso dos lábios, mas todos os temos. E quando eles não se encaixam em nossas fôrmas pré-fabricadas, passamos a ter que aprender a lidar com essa fase que por muitas vezes parece demorar a passar.
Nem consigo contar nos dedos, às vezes que as pessoas fizeram com que eu sentisse pena de mim mesma por ainda estar solteira, e pior ser uma missionária solteira (que agrava ainda mais minha situação), e em muitas vezes meu coração estava em paz diante de Deus, por entender que esse tempo de minha vida era só para Ele, todas as minhas forças deveriam ser direcionadas Nele e dessa forma Ele me alegraria e cuidaria daquilo, que por mim mesma eu não poderia cuidar.
Aí que precisamos estreitar o nosso relacionamento com Deus, de bons amigos que nos ajudem a sermos os melhores solteiros do mundo, e de propósito! Se é para ficarmos por um tempo solteiros, que sejam tempos ótimos! Viagens, aventuras, jantares, amigos por todos os lados, envolvimento em muitos ministérios, devem fazer parte de nossa rotina.
Conheço tantas pessoas que não casaram (ou demoraram mais tempo que o normal para casar) e se tornaram amargas, tristes, sem conseguirem entender o propósito de Deus para o hoje. Tudo o que era admirável nelas, acabou ficando escondido atrás de suas queixas e insatisfações. Que isso não aconteça com a gente!
Estou lendo um livro muito legal chamado: Solteira e feliz! (O livro é bem melhor do que o título) – Quando comprei o livro, muitos meninos brincaram comigo que eu estava virando feminista e blábláblá…, mas agora lendo este livro, encontrei a solteira mais querida de todos os tempos, ela já passou de seus 40 anos e NÃO perdeu a doçura feminina. Ela não permitiu que a preocupação dos outros com a sua solteirice influenciasse no seu jeito de viver. Ela ainda sonha com um casamento, e enquanto isso não acontece, ela investe seu tempo em ter seu caráter transformado pelo Senhor. Pra que exemplo melhor que esse hein?
Que possamos aprender o quanto antes a vivermos felizes no Senhor. A nossa felicidade, que vem do Senhor, deve chegar primeiro. O nosso sorriso deve abrir portas para as pessoas se aproximarem de nós.
“Precisamos ser pacientes, mas não ao ponto de perder o desejo; devemos ser ansiosos, mas não ao ponto de não sabermos esperar.” Max Lucado
Ps 1:Se o nosso coração é totalmente voltado a fazer a vontade de Deus, nossa maior preocupação não deve ser: Por que ainda estou solteira (o)? Quando ele (a) vai chegar? Mas sim, o que posso fazer para estar mais próxima do meu Senhor, e permitir que Ele molde meu caráter enquanto estou solteira (o)?
Ps 2:Só para você menina que já passou dos 26 ou 20 e todos anos…rsss, se achou muito prontinha a receita acima, espiritual demais para os dias de TPM, pode ter certeza que eu também a acho, e por isso luto todos os dias comigo mesma para torná-la uma realidade em minha vida. É difícil? Claro que é!  Mas exige entrega e confiança em Deus, que deve ser renovada a cada dia. Ele não espera de nós um sim eterno, mas um “Sim Senhor, eu decido hoje, me render mais uma vez a tua vontade”.
Ps 3: Faça festa quando um amigo (a) encontrar o amor de sua vida! Não é porque você não esteja vivendo um romance, que não possa celebrar a alegria de seus amigos ou até mesmo conhecidos. A Bíblia dá a receita perfeita para descentralizarmos de nossos umbigos e não vivermos só lamentando o que ainda não aconteceu: “Alegrem-se com os que se alegram” (Ro 12.15). Quem sabe logo, logo ele é que fará uma festa, e dessa vez, por você!
Marta Hoffmann
Florianópolis/ SC



(Visited 195 times, 1 visits today)
Posted in Conselhos de amiga.

3 Comments

  1. Adorei o texto, q Deus te abençoe e continue te usando pra edificar vidas lembrando as pessoas a manterem o foco e aproveitando tanta coisa boa de Deus no agora..

  2. Que benção encontrar esse site…
    Poxa! Essa frase: **Molde meu caráter enquanto estou solteira** falo sempre e depois do que li, vou colocar em prática mais ainda.Essa palavra veio do céu para minha vida! 😉

Gostou do post? Deixe seu comentário :)