POR QUE O OUTUBRO FICOU ROSA?

Reading Time: 3 minutes

No mês de outubro, muitos estabelecimentos mudam de cor adotando a Campanha do Outubro Rosa contra o Câncer de Mama. Mas afinal, por que essa campanha é tão importante?

Como sua avó provavelmente já tenha dito, “prevenir é melhor do que remediar, minha filha!”. E este é o mesmo pensamento que o Ministério da Saúde tem: o Câncer de Mama é uma doença que em 2015 deve atingir mais de 57 mil novas mulheres no Brasil. 

Por isso, o Movimento Outubro Rosa se iniciou na década de 90, nos Estados Unidos e se difundiu por todo o mundo para conscientizar – principalmente as mulheres – dos fatores de risco, de como podemos nos prevenir e como detectar o câncer precocemente. Ainda existem muitos mitos relacionados a esta doença, mas estima-se que 30% dos casos de câncer de mama possam ser evitados quando adotamos práticas saudáveis: realizar atividade física regularmente; alimentar-se de forma saudável; manter o peso corporal adequado e evitar o consumo de bebidas alcoólicas. Amamentar também é um importante fator de proteção.
Nessa campanha, o estímulo é para que as mulheres de todas as idades conheçam seu corpo para saber o que é e o que não é normal em suas mamas. Não há nenhuma técnica específica, mas as recomendações indicam que é fundamental observar suas mamas sempre que você se sentir confortável para isso (seja no banho, no momento da troca de roupa ou em outra situação cotidiana), valorizando a descoberta casual de pequenas alterações mamárias. A maior parte dos cânceres de mama é descoberta pelas próprias mulheres.
Além de estar atenta ao seu próprio corpo, também é recomendado que mulheres de 50 a 69 anos façam uma mamografia de rastreamento (quando não há sinais nem sintomas) a cada dois anos. Esse exame pode ajudar a identificar o câncer antes do surgimento dos sintomas. É importante lembrar que o câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais, em grande parte dos casos, o que aumenta as chances de tratamento e cura.
Nesse sentido, os desafios no controle do câncer de mama dependem não apenas da realização da mamografia, mas também do acesso ao diagnóstico e ao tratamento com qualidade e no tempo oportuno. Você pode fazer esse acompanhamento na Unidade Básica de Saúde mais próxima e participar do movimento Outubro Rosa que eles tem organizado.
Por isso, esteja alerta! Os principais sinais e sintomas do câncer de mama são:
v  Caroço (nódulo) fixo, endurecido e, geralmente, indolor;
v  Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja;
v  Alterações no bico do peito (mamilo);
v  Pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço;
v  Saída espontânea de líquido dos mamilos.
É importante lembrar que estas alterações não concluem que você realmente está com câncer de mama, e por isso, é fundamental o acompanhamento com uma equipe de saúde para que um diagnóstico seja realizado.
Mas nunca se esqueça: sua saúde deve ser valorizada durante todo o ano, não deixe para se cuidar somente em outubro!
Links interessantes:
Você pode encontrar informações muito legais nessas páginas sobre mitos que existem sobre o Câncer de Mama!
Um beijo rosa,
Geíza Lemos Hein
 

 

(Visited 44 times, 1 visits today)
Posted in Boa forma e Saúde.

Gostou do post? Deixe seu comentário :)