MyJob: Professora de Matemática

Já é normal alguém me perguntar sobre minha profissão e quando falo que sou professora, já me olha com um olhar de pena, e quando digo que é de matemática fica pior ainda. Mas é assim que se olha quem está ajudando a sociedade? Não deveríamos olhar com orgulho e valorização.

Desde criança sempre quis ser professora, e quando cresci gostava muito de matemática, e juntei os dois e assim que conclui o ensino médio comecei a graduação em Licenciatura em Matemática (Licenciatura é a habilitação para trabalhar em sala de aula).
Não sou professora por falta de opção, ou por que não sei o que fazer, sou professora por que eu realmente sinto que é isso que Deus quer pra mim.
O dia a dia em uma sala de aula realmente não é fácil, com certeza é um trabalho desgastante e cansativo, o que muitas vezes nos desanima, pois trabalhar com pessoas não é algo fácil e quando se trata de adolescente, menos ainda.             
Mas tem os momentos que me deixam muito grata a Deus, o que me faz ter a certeza de que é o que Deus quer pra mim agora, pois sinto que estou servindo a Ele. Como quando posso ajudar o aluno com carência de amor familiar, quando ao invés de alunos tenho amigos, quando nas minhas atitudes do dia a dia consigo mostrar que eu tenho Jesus em meu coração.
Gosto muito de uma frase de Paulo Freire que diz “Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender” eu com certeza aprendo muito, a ter paciência, amar o meu próximo, a ensinar, e muito mais.
Então, o que eu quero muito hoje, é que a sociedade e governos se conscientizem de que professor é uma profissão muito importante e de grande valor para a sociedade, não para se ter dó, mas sim orgulho e ver que é algo que Deus pode usar para cuidar de seus filhos.
Abração,
Lucinéia Honnef
Florianópolis-SC

(Visited 46 times, 1 visits today)
Posted in My Job.

Gostou do post? Deixe seu comentário :)