Mitos (ou verdades?) do dia a dia

Reading Time: 3 minutes

Bom, é possível que você esteja à toa nas férias e, de repente, acontece uma coisa e você fica em dúvida: será que isso é verdade ou é só um conto popular? Pois bem, pretendemos aqui no FéMenina desvendar (ou pesquisar) sobre a verdade no dia a dia. Faz mal comer manga com leite? E pasta de dente, posso passar na queimadura? Segurar o espirro pode matar? Criança que brinca com fogo faz xixi na cama, haha?

E claro, se você souber de mais algum mito ou conto popular que você não faz ideia, compartilha com a gente nos comentários!

Vamos começar aos poucos só pra descontrair…

Tomar leite com manga pode matar?

Não!! Esse mito começou com os donos de escravos no Brasil Colônia para evitar que os escravos consumissem esses dois produtos ao mesmo tempo. Naquela época, por terem muito trabalho e serem mal alimentados, os escravos acabavam comendo as mangas e roubando o leite (produto muito nobre). Para conter o roubo, os senhores de engenho inventaram que a combinação entre manga e leite podia ser fatal – e esse mito continua até hoje.

Na verdade, a combinação entre os dois faz bem para a saúde. A manga tem grandes quantidades de vitamina C, fósforo, ferro, cálcio, lipídios e proteína. Já o leite é rico em proteína, cálcio, vitaminas A e D, riboflavina, fósforo e magnésio. Uma grande dose de vitaminas e sais minerais é o que se ganha com essa mistura.

Beber líquidos durante as refeições engorda?

Verdade. Isso acontece porque com o líquido, nosso estômago fica maior e mais lento. Esse efeito de distensão é reversível. MAAS, se você cultiva sempre esse hábito em todas as refeições, o seu estômago acaba sofrendo de fato essa dilatação, tornando-se mais “elástico”. Quando o estômago está dilatado, manda uma mensagem ao cérebro avisando que ainda existem espaços vazios para serem preenchidos, então você não se sente saciado e consome mais alimentos do que normalmente seria necessário. Esse aumento na quantidade de alimentos consumidos é que ocasionará o ganho de peso e, consequentemente, poderá contribuir para o aumento da gordura abdominal.

Prender o espirro pode matar?

Não. Mas também não é nada bom para a saúde, já que ele é um reflexo do seu organismo para eliminar impurezas. Na verdade, tecnicamente, é impossível prender o espirro. Uma vez iniciado o processo, ele vai acontecer. A única coisa que você pode fazer é decidir se ele sairá do seu corpo ou não.

Quando interrompemos o espirro, há um aumento desnecessário de pressão em regiões importantes. Afinal, o espirro é uma bomba que voa a até 160 km/h que, em vez de estourar no ar aberto, explodirá dentro de você (quem disse isso foi o Mundo Estranho, vai saber né). Nesse caso, há risco de estragos. O ar que deveria sair pelas narinas se distribui pelos seios da face e pela tuba auditiva dos ouvidos, gerando pressão nos tímpanos. Ele ainda vai para a faringe, laringe, traqueia e pulmões. Se o espirro for muito forte, a pressão causa dor nos ouvidos, na garganta e no peito. Quando isso acontece, existe risco de lesão nos órgãos. Mas matar não mata.

E como o FéMenina também é cultura, olha só como são as onomatopeias do espirro e como se responde ao redor do mundo…

Em português: Atchim – Saúde!

Em inglês: Atchoo! – Deus te abençoe!

Em indonésio: Hatchi – Bendito seja Deus!

Em dinamarquês: Atju – Poderá beneficiar-te!

Em letão: Apci – Isso é para sua saúde!

Em romeno: Hapciu – Boa sorte!

Saúde!!

Colunistas_responsáveis-19

(Visited 116 times, 1 visits today)
Posted in Boa forma e Saúde.

Gostou do post? Deixe seu comentário :)