História de Amor

Minha História de Amor – Victor e Michelle

Reading Time: 7 minutes

A cantora Marcela Taís diz em uma de suas canções que não tem o dom com as palavras, mas nós que a curtimos sabemos que ela tem sim! Ao contrário de mim, eu realmente não tenho heheh, mas mesmo assim quero poder compartilhar com vocês um pouquinho da História de Amor que Deus está realizando em minha vida.

Sou Michelle, tenho 31 anos, moro em Porto Alegre – RS, recém formada em Teologia pela Faculdade Batista Pioneira de Ijuí, missionária de coração e esposa do Victor.

Minha conversão foi aos 18 anos, desde então passei por muitas mudanças, Deus me tratou de muitas formas, colocou pessoas muito preciosas para caminharem comigo, para me ajudar, me ensinar, orar comigo e por mim e assim a nova vida com Cristo foi tomando forma, sendo desenvolvida e aprendida dia após dia; um passo de cada vez conforme Deus conduzia. Aprendi muito com meu pastor, líderes, amigos e irmãos que investiram e não desistiram de mim quando eu falhei. Sou grata a Deus por isso e a esses que escolheram amar ao invés de afastar ou acusar.

Mas em meio a todos esses anos e a tudo que aconteceu de bom, de todos os ministérios que servi (teatro, coreografia, missões, evangelismo, adolescentes, jovens, crianças, louvor e etc), sempre tinha algo dentro de mim que doía muito. Era meu coração ferido na área do amor, de relacionamento. Tive minhas frustrações antes da conversão, fui traída e etc.  Mesmo conhecendo a Jesus não conseguia acreditar que um dia alguém iria me amar a ponto de não me trair ou ferir novamente. Eu carreguei essa dor e esse medo por anos, para ser exata 11 anos!

Eu conversava e chorava muito com meu pastor que sempre me dizia para ter paciência que no tempo de Deus ele iria chegar e que Deus estava me preparando para encontra-lo; com sua esposa Shirley, com minha amiga Andrea e mais algumas pessoas que conhecem minhas crises e questionamentos nesse tempo, eu orava por um esposo, mas no fundo do meu coração eu não conseguia acreditar que Deus teria alguém pra mim.  Durante esse período eu fiz algo muito errado, e que talvez você já tenha feito ou pensado alguma vez…

Além de eu não conseguir acreditar que Deus poderia me abençoar com alguém, eu me sentia tão incapaz e insuficiente para ser amada e não ser ferida novamente que eu ficava olhando para a vida de outras meninas  conhecidas e que inclusive não estavam nem perto dos 30 como eu já estava e questionava como Deus havia dado um esposo a elas e não dava um pra mim? Eu me martirizava com isso todos os dias e quando eu via alguma atualização de status de relacionamento de alguém então… Aí só Jesus pra ter misericórdia de mim, por que eu ficava muito mal, cada vez que alguém namorava eu afundava mais um pouco na minha tristeza e resistência. Isso mesmo, resistência!

Eu sofri tudo o que sofri porque resisti muitooooo ao tratamento de Deus em meu coração nessa área. Uma vez eu cheguei a afrontar a Deus na minha intenção de ser sincera e falei em oração que se fosse pra Ele me dar alguém que se não fosse do jeito que eu queria, eu preferia morrer! Acreditem! Eu afrontei o Senhor do Universo, se Deus não fosse misericordioso, coitada de mim, poderia ter sido fulminada ali mesmo!

Mas, onde eu quero chegar com tudo isso? Quero chegar ao relato sobre um Deus fiel e maravilhoso demais que nós temos e em quem podemos confiar.

No ano de 2016 eu estava de férias da faculdade na casa da minha amiga Andrea e como sempre, conversávamos sobre minhas dores… Um dia estávamos Andrea, meu pastor e eu conversando, eu chorando e questionando a Deus mais uma vez sobre o por quê eu estar sozinha e a ponto de fazer: adivinhem… 30 anos! Oh não! Óh sim!!!! Andrea olha para mim e diz: “Mimi eu só encontrei o homem de Deus pra minha vida com 35 anos e depois que eu orei com toda a sinceridade do meu coração: ‘Senhor se for a tua vontade pra mim que eu fique solteira, eu aceito’”. Eu chorei até cansar, e essa frase não saiu da minha cabeça o dia todo. À noite eu fui orar depois dessas palavras adentrarem todo o meu ser. Finalmente em 11 anos eu consegui fazer essa oração com todo o coração e sinceridade que eu pude expressar diante de Deus naquela hora. Eu senti uma paz tão grande que não consigo descrever. Aquele fardo de 11 anos saiu dos meus ombros, olhos e lábios. No dia seguinte Andrea disse: Você está diferente hoje, parece leve! E eu estava exatamente assim, leve e livre em Jesus.

Isso aconteceu na terça feira, e na quinta feira eu resolvi uma questão que havia ficado mal interpretada com um amigo antes de eu ir para a faculdade em Ijuí. Abro um parêntese aqui porque não posso deixar de falar isso a você; se você tem algum relacionamento mesmo que seja de amizade onde uma das partes criou expectativas que você nunca deu e ficou mal resolvido, ore e peça a Deus a oportunidade para esclarecer as coisas, peça perdão se necessário for.

Muito bem, resolvi essas duas questões importantes e na sexta feira dessa mesma semana, o encontro de jovens da nossa igreja foi na casa de um dos membros do grupo. A nossa líder de jovens fez o programa nessa ocasião para que eu como seminarista da igreja pudesse estar junto já que retornaria para a faculdade dois dias depois.

O encontro foi na casa do Thiago, que tinha um irmão que eu nunca havia conhecido, pois ele é militar e estava em outros estados do País, eu apenas ouvia falar no irmão do Thiago. Chegamos lá e a mãe do Thiago estava me recebendo na porta da casa, de repente aparece um menino ali e vem em minha direção me dar oi, era o Victor irmão do Thiago… Fomos apresentados pela mãe deles. Após a programação dos jovens, nós batistas, comemos é claro! E eu comecei a chamar a galera pra ajudar com as coisas do lanche e fui pra cozinha lavar a louça, de repente eu escuto uma voz ao meu lado me dizendo que iria secar a louça… Era o Victor…  começamos a conversar… (Eu sempre brinco: Ele me encontrou trabalhando… hahah).

No sábado ele apareceu de surpresa no aniversário do Isaac, filho da Andrea e quando eu menos esperei ele pediu pra sentar ao meu lado, ai começou o frio na barriga kkkk, e quando ele perguntou a minha idade eu tremi na base, porque havia acabado de fazer 30 anos e achei que ele iria sair correndo… Mas ele ficou, e nem deu bola pra esse detalhe que me assustava um pouco.

No domingo eu fiz uma oração no culto pedindo que Deus fizesse Sua vontade no meu contato com o Victor, e quando acabei de orar o Victor estava na porta, chegando ao culto. No fim do culto ele veio conversar novamente e pediu meu número, nessa hora quase enfartei de alegria ahahahah, nesse dia retornei a Ijuí e ficamos conversando por mensagens todos os dias. Começamos a orar um pelo outro naturalmente, apenas nos mandávamos mensagens dizendo que estávamos orando um pelo outro, e Deus foi respondendo nossas orações com confirmações de várias formas que não tenho como expressar aqui, senão a Martinha me pega por escrever tanto… hehehe… Mas o que importa, é que sim Deus foi respondendo nossas orações de formas muito claras para nós dois.

Na semana que completava um mês que tínhamos nos conhecido Deus me providenciou uma carona e retornei a Porto Alegre (Isso tenho que contar, foi uma das respostas claras, pois em 3 anos de seminário nunca havia conseguido uma carona para ir e voltar em uma semana específica). Nessa semana nós saímos pra almoçar, caminhar e passear pra conversar e conversamos muito! Quando completou um mês e três dias que nos conhecemos, ele me pediu em namoro e eu disse “Sim pra sempre”!!! Aleluia! Deus é bom!

Namoramos a distância, eu em Ijuí e ele em Porto Alegre, nos encontrávamos uma vez por mês quando era possível e com três dias de namoro ele me pediu em casamento! Sim. A partir daí começamos a orar por uma data. Em fevereiro de 2017 fiquei noiva de surpresa, heheh e já estávamos preparando o casamento, porque também era ano de TCC e da minha formatura. Sim, eu organizei um casamento à distância, fiz o 4º ano de faculdade e um TCC ao mesmo tempo e SOBREVIVI pela Graça!

E para a honra e glória de Jesus, no dia 01/12/17 nós casamos no civil e no dia 02/12/17 nos casamos na igreja.

Sabe aquele texto Bíblico de Efésios 3.20-21: Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu poder que atua em nós, a ele seja a glória na igreja e em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo o sempre! Amém!  Esse é o texto que resume a minha história de amor, porque o Victor é infinitamente mais do que um dia já pude imaginar ou pedir a Deus, e infinitamente mais é muita coisa! Glórias a Deus!

Nesse mês de junho completamos 6 meses de casados, e tem sido os dias mais lindos, por causa de Jesus, porque Ele é fiel, constante e extremamente abençoador e perfeito em tudo que faz! Quando é Deus que faz, a paz dEle reina dentro de nós e permanece sobre o que Ele fez!

1 João 4.18-19 diz: “No amor não há medo antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o medo envolve castigo; e quem tem medo não está aperfeiçoado no amor. Nós amamos, porque ele nos amou primeiro”, foi isso que o perfeito amor de Jesus fez em mim. Lançou fora o meu medo e encheu meu coração de vida, alegria, amor e paz.

Meninas, se posso deixar alguma lição para vocês com esse testemunho é, não resista ao tratamento de Deus com as feridas do seu coração, porque quanto mais resistimos mais sofremos e enfraquecemos a nossa fé no Senhor do amor. Uma coisa muito importante pra mim foi que quando eu conheci o Victor, no primeiro dia de conversa, eu percebi que se eu tivesse conhecido ele um minuto antes, eu NÃO estaria pronta, mesmo eu com 30 anos, porque essa foi uma crise dura também que Jesus me deu vitória.  Por isso, deixe Deus te preparar para o grande dia do encontro com o seu príncipe. Se for essa a vontade do Senhor, esse dia vai chegar quando você estiver sarada e seu coração totalmente livre, aberto e pronto para amar e encontrar o melhor de Deus pra sua vida.

Pra deixar um pouco de amor, esperança e Fé no seu coração vou deixar aqui um texto que te fortaleça na sua espera no Senhor:

“Será que você não sabe? Nunca ouviu falar? O Senhor é o Deus eterno, o Criador de toda a terra. Ele não se cansa nem fica exausto, sua sabedoria é insondável. Ele fortalece ao cansado e dá grande vigor ao que está sem forças. Até os jovens se cansam e ficam exaustos, e os moços tropeçam e caem; mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam bem alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam”. Isaías 40: 28-31.

Que Deus abençoe profundamente a sua vida e seu coração! Tenha FéMenina S2

Um baita abraço carinhoso no amor de Jesus.

Michelle da Gama Kühn.

(Visited 447 times, 1 visits today)
Posted in Minha história de amor.

Gostou do post? Deixe seu comentário :)