Entre o Riso e a Lágrima

Reading Time: 3 minutes

Recentemente, no dia do meu aniversário, em meio às felicitações que uma amiga me fazia, ela me disse uma frase que tem me perturbado…

Todas nós precisamos de algumas pessoas com quem podemos falar sobre todos os assuntos e abrir nossos sentimentos mais profundos. Essa é uma amiga desse tipo para mim. E por ser assim, muitas vezes eu compartilho com ela as minhas dores. Talvez por isso, naquele dia, ela me disse: “A vida com Deus é alegria, é riso, e não lágrimas e tristeza. Eu não quero mais te ver chorando.”

Eu ainda não sei exatamente qual foi a intenção dela com essa frase, mas eu fiquei pensando a esse respeito e não consigo concordar com o que entendi. A vida com Deus é sim maravilhosa (quem já viveu sem Ele sabe bem do que estou falando!). Podemos desfrutar da alegria pela salvação em Jesus e também do fruto do Espírito Santo, o qual traz consigo alegria e paz! Contudo, a própria Palavra de Deus está cheia de exemplos de pessoas que choraram muito, como os profetas, que se vestiam de panos de saco, cobriam-se de cinzas e saiam pranteando pelas ruas. O apóstolo Paulo fala sobre “sentir dores de parto” por causa daqueles que se desviaram da verdadeira fé. (Gálatas 4:19)
É preciso sentir as dores do mundo sem Deus! É preciso clamar por um avivamento nos filhos de Deus, se humilhar e orar e buscar a face do Senhor até que Ele ouça dos céus e cure a nossa nação! (2 Crônicas 7:14).

Não há nada que me entristeça mais do que ver cristãos frios e distantes do Deus que pregam. Não é possível conhecer a Deus de verdade e conseguir viver longe da Sua presença! Quando nós sabemos de fato quem é o Deus ao qual servimos, queremos agradá-lo e fazer com que Ele se alegre sobre nós. Queremos nos esforçar em busca-lo e em nos derramar em Sua presença.

Tem uma canção que fala: “Diga aos seus amigos que é aqui onde a festa termina. Até que você esteja arrependido pelos seus pecados, você não pode ter vida social.” Parece bastante radical!! É, e de fato é! Não sei se precisamos chegar a esse extremo, mas eu sei que precisamos buscar mais ao Senhor. Eu sei que precisamos orar mais, chorar mais em Sua presença, jejuar mais, ter mais santidade e, certamente, precisamos mais de Deus!

Menos reuniões sociais, menos piadas, menos risos, menos festas… MENOS de nós e MAIS do caráter de Jesus em nós e através de nós.

O plano de Deus, para a salvação de todo aquele que crer no nome de Jesus, é lindo! O problema está quando o que é pregado é tão somente as bênçãos que o Senhor concede aos seus filhos, quando na verdade, Jesus diz: “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.” (Mateus 16:24). Ser feliz em Cristo é passar por dores e lutas, e ainda assim sentir a plenitude do Espírito Santo habitando dentro de nós.

Meu objetivo com este post não é deixar você triste, ou levar você a pensar que não deva mais ter vida social. Não! Nada disso! Eu apenas quero levar nossas leitoras (e talvez leitores) a fazer uma reflexão sobre o quanto estamos sensíveis a voz de Deus e às necessidades do mundo. É urgente que os cristãos cumpram o seu papel de orar e clamar pelo nosso país e pelo nosso próximo! E se essa missão requerer lágrimas derramadas como os profetas e sentir dores de parto como Paulo, que assim nós façamos, porque a Palavra também diz: “Aqueles que semeiam com lágrimas, com cantos de alegria colherão.” (Salmos 126.5)

Eu desafio você a fazer uma lista de pedidos de oração. Escreva motivos e pessoas que você pode interceder e dedique alguns minutos do seu dia; aos poucos vá aumentando o tempo com o Senhor. Você viverá as lágrimas da semeadura e o riso da colheita!

Ah, e quero ainda deixar uma sugestão de música que tem me edificado muito: Clear The Stage, de Jimmy Needham. Segue o link, com legenda 😉

https://www.youtube.com/watch?v=oC_2RF77Bgw

Deus abençoe a sua semana!

Colunistas-18

(Visited 183 times, 1 visits today)
Posted in Outros.

Gostou do post? Deixe seu comentário :)