Concurso de Contos – O Sonho de Raquel

Reading Time: 2 minutes

Meu nome e Raquel. Nasci em um lar cristão. Meus pais sempre foram atuantes na igreja e me ensinaram a amar e servir ao Senhor desde cedo. Participei do grupo infantil, dos adolescentes e dos jovens, sem contar os retiros e acampamentos que a igreja sempre promoveu. Nunca me arrependi de ter dedicado minha vida servindo a Jesus. Claro que tiveram momentos difíceis, de provações, lutas em que eu pensei que não suportaria, mas Jesus estava comigo, me dando forcas para prosseguir.

 Como a maioria das jovens eu sonhava com meu casamento, queria ter meu esposo e juntos construiríamos nosso lar. Aos quinze anos comecei orar pedindo ao Senhor que preparasse meu esposo. Passaram alguns anos, tive alguns relacionamentos, mas continuava solteira esperando que o Senhor respondesse minhas orações.

Ate que um dia conheci Lauro, ele começou a trabalhar na empresa que eu trabalhava, porem eramos de setores diferentes, por isso não era sempre que nos encontrávamos. Lauro era um rapaz muito simpático e educado, gostava muito de conversar com ele. Ate que um dia fiz uma descoberta: estava apaixonada por Lauro. Queria estar perto dele, as vezes eu dava até um jeitinho de ir ao setor em que ele trabalhava na esperança de vê-lo. Eu percebia que ele também estava interessado em mim.

Um dia encontrei sua conta do Instagram e fiz uma descoberta que me deixou boquiaberta: Lauro era budista. Nunca tive nenhum preconceito com pessoas de outras religiões, tive amigos de diversas religiões, mas para namorar era diferente, precisava de alguém que professasse a mesma fé. Chorei e sofri calada, ate que resolvi contar para minha amiga Claudia. Em nenhum momento ela me criticou, após me ouvir ela me aconselhou: entregue nas mãos do Senhor. E assim fiz, orei e pedi para que Deus fizesse a vontade Dele em minha vida.

Algum tempo depois Lauro convidou-me para tomar um suco e falou-me que iria morar na Europa, sentiria minha falta, pois gostava muito de mim. Desejei que desse tudo certo e ao chegar em casa chorei muito. Novamente meu mundo caiu.

Já estava com 28 anos, continuava solteira e esperando no Senhor quando conheci Cesar. Ele era sobrinho do meu pastor, começou a congregar em minha igreja e nos tornamos amigos. Como gostávamos muito de ler, vivíamos indicando livros e frequentando livrarias e bibliotecas, ate que um dia a surpresa: Cesar me pediu em namoro. Oramos por algum tempo e o Senhor confirmou. Com a benção de nossos pais iniciamos nosso namoro. Liamos a Bíblia e orávamos juntos, Cesar era uma pessoa maravilhosa que me fazia muito feliz e me levava para mais perto do Senhor. No dia em que comemoramos nosso primeiro ano juntos, Cesar pediu-me em casamento. Claro que aceitei! Estamos casados há seis anos e continuamos muito felizes, e hoje temos nossa filhinha Carol! Valeu a pena todos os anos de orações, lagrimas, renuncia e espera, o Senhor me honrou e concedeu minha amada família.

Célia Lima

(Visited 110 times, 1 visits today)
Posted in Concurso de Contos.

One Comment

Gostou do post? Deixe seu comentário :)