Namoro a Distância #3 – Contato físico!

Dia dos Namorados chegando, presente comprado e restaurante reservado! Só que não! 🙁

Se tem algo com o que sofri durante o namoro, foi com a falta do toque. Das mãos dadas, do abraço quentinho e consolador que substitui extensos discursos filosóficos e do cheiro único e alentador de quem a gente ama.

Há momentos que nenhuma palavra, por mais bem colocada que seja, substitui um simples abraço e um olhar sincero.

Depois de ter passado pela experiência de namorar à distância, sou uma convencida de que o nosso corpo fala e se expressa de maneira única. Em algumas discussões e desentendimentos que tivemos durante o namoro, passávamos horas no Skype tentando encontrar palavras para sustentar um pedido de perdão por algo que foi mal dito ou interpretado. Se tivéssemos fisicamente juntos, um simples abraço uniria nossos corações e explicaria o que nossa fala não sabe expressar.

Para aguentar e suportar o vazio que a presença do Cristián fazia, me apegava ao Senhor e no que Ele me dizia. Sinceramente, não vejo outra saída. Orava ao Senhor e dizia: “Senhor, você me colocou nessa, agora me ajude a passar por tudo isso!”Leia mais…

Namoro a Distância #2 – Só acredito vendo!

No primeiro post da série, comentei que para mim,  namorar a distância é uma loucura! Isso porque, é um relacionamento nada convencional que exige um pensamento e atitudes fora do padrão.

Desde que conheci o Cristián – que hoje é meu esposo –  e percebi que sentia algo mais forte por ele, logo coloquei em oração esse sentimento. Não queria agir por impulso e começar um namoro sem saber que utilidade e propósito ele teria para o Reino. Começamos então a orar e entender o que estávamos sentindo um pelo outro. Pedíamos que Deus falasse claramente conosco, pois não queríamos frustrar-nos. Clique AQUI para conferir a história completa.

No tempo de oração (antes de começar a namorar), pessoalmente, pedia a Deus que me ajudasse a lidar com desconfiança e ciúmes. Reconhecia que não era experta nisso e percebi que isso poderia afetar (e muito!) um possível namoro à distância.

Hoje, depois de 3 anos e meio de namoro longe um do outro, não lembro de ter protagonizado ataques de ciúmes ou desconfiança. E tenho absoluta certeza que isso foi fruto de oração e graças a Bondade de Deus. (Leia Mateus 7, versículos de 7 a 12.)

Aí você vai me perguntar:

“Mas como posso desenvolver tanta confiança em alguém que nunca vejo, com quem não convivo?”Leia mais…

Namoro à distância #1- É uma loucura!

Mas como vocês fazem? Essa deve ser uma das típicas perguntas quando as pessoas descobrem que namora alguém que mora a quilômetros de distância de você. Acertei? Imagino que sim!

O dia dos namorados chega e todos vão ao cinema ou jantar num lugar legal. Você, provavelmente, estará em um dos seus principais “bate-locais”: no skype, para passar este “dia do amor” com seu love.

Namorar à distância não é fácil e nada NORMAL! Se você acha que namorar alguém que vive pertinho de você já é meio complicado, estou aqui para te dizer, que o nível de dificuldade num relacionamento à distancia, aumenta para level hard.

Lamento muito se você abriu este post super motivada (o) buscando dicas e listas de tarefas de “Como namorar à distância?”, mas tenho uma notícia que pode ser não tão boa quanto esperada: um namoro à distância requer o dobro (senão o triplo) da disposição do que em um namoro presencial.Leia mais…