(Não) é meu!

Tudo o que não nos céus e na terra é teu, Senhor. Tudo vem de ti, e nós apenas te demos o que vem das tuas mãos (1Cr 29.11b, 14b).

Uma das primeiras palavras que a criança aprende é “não”. Ela vem seguida de perto por “meu”. O próximo passo? A frase completa: “Não – é meu!” Quando um “toquinho de gente” diz isso, com toda a indignação que é capaz de reunir, achamos graça. Mas fica cada vez menos engraçado à medida que a pessoinha cresce e o egoísmo natural começa a tomar conta de suas atitudes.

Leia mais…

Deixe a tristeza melhorar o seu coração

Melhor é a tristeza do que o riso, porque o rosto triste torna melhor o coração. Ec 7.3

Não há quem não tenha enfrentado dias difíceis, nublados ou escuros. Em Eclesiastes, o autor diz que melhor é tristeza do que o riso. Quem em sã consciência afirmaria isso? Alguém nesse mundo gosta de sofrer?

À primeira vista, parece que o autor está fora da realidade e que suas palavras estão distantes de um coração que realmente enfrenta sofrimento, mas não, ele sabe do que está falando.  Podemos ir para o Novo testamento e perceber que em nenhum momento Jesus disse que não sofreríamos. Ele nos garantiu a sua paz e companhia (Jo 14.28 – Mt 28.20), não a ausência de lágrimas (Jo 16.33).

Em meio a tantas “teologias” equivocadas sobre o sofrimento é importante dizer: “Mesmo que você for fiel a Deus e amá-lo de todo o coração você poderá sofrer”! Se no seu coração, esta verdade não estiver alicerçada, na dor o seu coração não resistirá e sua fé será abalada.

Leia mais…

Motorista de Ônibus

Olá meninas!

Um amigo me enviou um texto que ele escreveu, e eu gostaria de compartilhar com vocês.

Em meio nossa rotina, mal percebemos as pessoas ao nosso redor. Que tal dar mais “bom dias” e valorizar o serviço de pessoas como talvez, um motorista de ônibus?

Boa leitura!

4:30 da manhã. Mais um dia de trabalho no seu ônibus, querido companheiro de cada dia. Barulhento como ele apenas sua mulher quando vê a toalha no chão do quarto. Pessoas entrando a cada parada. Bom dia, dizem alguns. Mas outros, passam sem ao menos olhar nos seus olhos. Trabalhadores, estudantes, aposentados, doentes. Tristes, alegres, bravos,  falantes. Vermelho, verde, amarelo, vermelho, verde, amarelo. Sempre o mesmo trajeto, as mesmas ruas, as mesmas paisagens, os mesmos movimentos. Dores nas costas, nos braços, nas pernas. Dezenove. Dezoito. Só mais 10 paradas até o ponto final, pensa. Ônibus vazio.

Os sons rápidos no chão metálico revelam o desespero de ter que segurar o xixi por mais de trinta minutos. Cheiro horrível. Porta sem tranca. Chão molhado. Não importa, vai ser aqui mesmo. Alívio.

O motor continuou ligado e novos passageiros tomaram os seus lugares. Hora de partir. Mais uma viagem e a marmita de arroz, feijão e salsicha que sua mulher preparou, será devorado.

O sol é quente lá em cima. O motorista vai até o banco e pega sua “tupperware” de aço, plástico não pode, pois quando colocar no motor para esquentar, derrete. Muitas foram as queimaduras. Como sempre, a cadeira é a calçada e a mesa suas próprias mãos.

Leia mais…

Abraça-me

“Muita coisa é resolvida dentro de um abraço…
Dentro dele o mundo fica mais seguro e bonito…
Com ele surge a esperança e o encontro…
O abraço protege, ampara, vibra, renova, acalma…
O abraço manda embora as mágoas, angústias e falhas…
E faz a vida ficar muito mais leve.”
Clarissa CorrêaLeia mais…

Meu lindo bichinho de estimação <3

Quando a família Romero comprou Sally para ser seu animal de estimação, ela tinha apenas 30 cm de comprimento. Oito anos depois, havia crescido, tinha 3,5 metros de comprimento e pesava 36 quilos. Foi aí que, em 20 de julho de 1993, Sally, uma píton birmanesa, atacou Derek, de 15 anos de idade, estrangulando o adolescente até que ele morresse sufocado.

Em um momento fatal, a criatura que parecia tão dócil e inofensiva se revelou um animal mortal. O “animal de estimação” que a confiante família havia trazido para casa, cuidado e alimentado, voltou-se contra ela e provou ser destruidor. De certo modo, ninguém deveria ter ficado surpreso com o rumo dos acontecimentos, pois, afinal, a píton apenas agiu de acordo com a sua natureza.

É assim que ocorre com o pecado. Embora possa nos entreter, brincar e dormir conosco, além de nos divertir, sua natureza nunca muda. Inevitavelmente, ele sempre levantará para morder e devorar aqueles que se tornam seus amigos.

Todo engano é mortal. Mas nenhuma mentira é mais mortal do que aquelas que Satanás nos contra sobre Deus e sobre o pecado. Ele tenta nos convencer de que Deus não é quem diz ser e que o pecado não é como Deus afirma. Satanás pinta um quadro que diminui tanto a forma de Deus se parecer com Deus quanto a pecaminosidade do pecado. Faz com que Deus acabe parecendo não ser tão bom e o pecado acabe parecendo não ser tão mau.

Leia mais…

O Melhor Trabalho do Mundo!!

Provavelmente você já leu em algum lugar ou já ouviu alguém falando a respeito das melhores empresas para se trabalhar, e sabe que, geralmente, Google está entre as mais, mais! No entanto, apesar de os funcionários do Google poderem fazer seus próprios horários e de terem acesso a diversão e conforto durante o expediente, eles precisam cumprir suas metas e “render”, o que quer dizer que eles tem sim uma parte pesada a fazer e recebem uma quantia x para isso.Leia mais…

BATE PAPO COM DEUS – SEIS MOTIVOS PARA ORAR MAIS

BATE PAPO COM DEUS

SEIS MOTIVOS PARA ORAR MAIS

Quantos versículos você conhecem que falam sobre oração? Talvez se lembre de:

Filipenses 4:6
“Não andeis ansiosos de coisa alguma. Em tudo, porém sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições pela oração e pela súplica com ações de graças.”

Jeremias 33:3

“Invoca-me, e te responderei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas, que não sabes.”

João 14:13-14

“E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.”

1 Tessalonicenses 5:17

“Orai sem cessar.”

Leia mais…

Zé Jorge

Quarenta e um anos, casado, duas filhas. Zé Jorge me contou, em pé na calçada próxima à estação da Luz, com lágrimas nos olhos, que havia perdido seu irmão gêmeo dois anos antes em um acidente com uma carreta. Mas por que alguém contaria isso a uma menina de vinte e seis anos e a outros dois estranhos? Talvez fosse o efeito da cachaça que deixa até os mais tímidos falantes. Ou talvez, fosse aquele aperto no coração, inexplicável, de tamanho imensurável explodindo no peito. E a cachaça era apenas a válvula de escape.Leia mais…

Quando o choro se transforma em glória

O evangelho de João nos conta sete realizações milagrosas de Jesus onde mostrou ao mundo o poder e a glória de Deus. Os sinais são estes:

– A transformação da água em vinho, em Caná

– A cura do filho do funcionário do rei

– A cura do enfermo (paralítico) em Betesda

– A multiplicação de pães e peixes

– Jesus caminhando sobre o mar da Galiléia

– A cura do cego de nascença

– A ressurreição de Lázaro

Mas vamos falar de choro. E este último sinal tem a sua marca própria, este último conta sobre o dia em que o próprio Filho de Deus chorou.

Leia mais…

Chega de MIMIMI e deixa Deus usar sua história.

Você já teve pena de si mesmo?

Já ficou tão comovida com sua própria história que quase tirou um lencinho da bolsa e se auto presenteou?

Pois é… isto pode parecer cômico, mas em algumas vezes passamos por fases prá lá de difíceis. Dá prá dizer que uma das mais duras lições da vida é aprender com o sofrimento. Aqueles tempos que a gente olha para os lados e não consegue ver solução alguma. Quando os amigos por mais íntimos que sejam, parecem não captar o que estamos realmente sentindo e, quando um abraço apertado significa muito mais do que uma hora de blábláblás

Sim, eu também já passei por isso.Leia mais…