Intercâmbio! #Repost 9/10

Reading Time: 3 minutes

Você já pensou em morar fora do país? Fazer um intercâmbio? Imagino que, assim como eu, você já teve essa vontade. Ou, se nunca teve, espero que, ao final desse texto você sinta essa vontade. Por que? Porque fazer intercâmbio é maravilhoso! Por isso, quero compartilhar um pouquinho de uma das melhores experiências da minha vida.Leia mais…

Austrália!!

Reading Time: 4 minutes
Good day, mate!
Em julho de 2014 tive uma oportunidade incrível, daquelas que só vem de Deus, de poder viajar com a minha mãe para a Austrália! Com todas as providências vindas do Senhor – a data da viagem, o visto, os recursos financeiros e muito além do que imaginávamos – nós conseguimos embarcar nessa aventura. Foram somente 28 horas dentro de um avião: o paraíso não fica tão longe, gente!!!





Enquanto minha mãe estava trabalhando em um Congresso, tive a oportunidade de conhecer Melbourne. Segundo a revista Exame, esta cidade foi considerada a melhor cidade para se viver pelo terceiro ano consecutivo. De fato, é uma cidade maravilhosa: o antigo e o contemporâneo convivem perfeitamente e o povo é muito acolhedor. “Good day, mate!” (bom dia, amigo!) é uma saudação comum mesmo entre desconhecidos. Da mesma forma que no Brasil, os australianos são formados por muitos outros povos que também precisaram lutar para conquistar seus direitos (e lá também a luta continua!).



Durante os dez dias que estivemos lá, tive a oportunidade de conhecer vários lugares e pessoas. Museus, parques, a universidade, o aquário, o zoológico, o Centro de Esportes de Inverno (sim, o inverno de lá faz frio com um vento bem gelado) e outros lugares extraordinários. Vez ou outra encontrei alguém falando português. É impressionante como a língua nos aproxima de pessoas simplesmente por que a comunicação é possível! Sempre que você puder, invista nessa área: falar fluentemente outras línguas te ensina a enxergar o mundo de outra maneira e também alcançar pessoas que antes não seriam alcançadas.


Certamente como vocês, escuto muito Hillsong e sempre tive a vontade de participar de um culto. Gente, é maravilhoso saber que o corpo de Cristo é um só no mundo todo!!! Você já parou pra pensar que enquanto louvamos aqui, irmãos cantam no Chile, no Irã, na Rússia ou mesmo na Austrália? Isso me mostra como nós somos pequenos diante desse Amor, mas ainda sim somos importantes na Grande Missão de levar o amor de Cristo a todos os povos.

Assim como o mundo todo, a Austrália precisa de Cristo sendo o primeiro! Eles precisam das nossas orações, dos nossos investimentos e por que não do nosso “ide”?
“Assim o mundo inteiro conhecerá a tua vontade, e a tua salvação será conhecida por todos os povos.” Salmos 67. 2
Louvo a Deus pela realização deste sonho e por todas as oportunidades que Ele tem me dado. Espero que outras pessoas também possam conhecer este país maravilhoso não só pelo turismo, mas como um ministério ou como estudantes (o governo de lá incentiva muito intercâmbios…). Obrigada pelo privilégio de compartilhar essa história com vocês!
Com carinho,
Geíza Lemos Hein
Toledo/PR

Intercâmbio!

Reading Time: 3 minutes

Você já pensou em morar fora do país? Fazer um intercâmbio? Imagino que, assim como eu, você já teve essa vontade. Ou, se nunca teve, espero que, ao final desse texto você sinta essa vontade. Por que? Porque fazer intercâmbio é maravilhoso! Por isso, quero compartilhar um pouquinho de uma das melhores experiências da minha vida.

Em 2011 eu estava me aproximando do final da faculdade de Enfermagem, e faltava apenas o estágio final, que, na minha universidade, poderia ser feito em qualquer hospital que me aceitasse. Como eu já havia feito estágios nas cidades próximas a minha, pensei em aproveitar essa oportunidade e procurar algum hospital fora. Através de um convênio da minha universidade com uma universidade portuguesa, fiz minhas malas e fui para Portugal no dia 01 de dezembro de 2011, com o objetivo de ficar 3 meses lá. A experiência no hospital foi fantástica, aprendi muito, vi um outro sistema de saúde, um outro jeito de ser enfermeira, outras tecnologias… enfim, eu estava maravilhada com aquele mundo.
Além do estágio, tive a oportunidade de viajar para outros lugares em Portugal, que é um país lindo, e também para outros países da Europa.
Mesmo antes de sair do Brasil procurei uma igreja para frequentar, pois tinha a certeza que encontraria ali uma família, pessoas que pudessem me ajudar.
Me encantei com o país, e procurei uma maneira de voltar, depois que o intercâmbio acabasse. Assim, me inscrevi no mestrado lá, fui aprovada, e voltei para Portugal  em 2012. É claro que um grande incentivo para eu voltar foi por ter conhecido aquele que hoje é meu marido.
Se você leu até aqui e se interessou, mas pensou: por onde começar? Não conheço nada, ninguém, não sei falar outra língua… ficam aqui algumas dicas:
– Não tenha medo de mudanças, de ficar longe dos pais, dos amigos… o início pode ser difícil, mas a experiência com certeza valerá a pena. Até hoje não conheci ninguém que se arrependeu de ter feito intercâmbio;
– Aproveite cada oportunidade;
– Aprenda um novo idioma (desculpa de falta de grana não rola, existem app´s gratuitos para smartphone, veja filmes sem legenda, ouça músicas…);
– Ir para outro país para aprender a língua tbm é uma boa!
Se você já está na faculdade:
– Procure informações na sua faculdade, a maioria tem um setor de relações internacionais;
– O Brasil oferece muitas bolsas de estudo, o programa mais conhecido é o Ciência sem Fronteiras;
– Além do Brasil, tem muuuuitas bolsas rolando por aí, cito um exemplo, para quem tem interesse na Alemanha: http://www.daad.org.br/pt/
– Uma oportunidade bem “quentinha” é que a Universidade de Coimbra/PT vai começar a aceitar as notas do ENEM para o ingresso de brasileiros nos seus cursos. 
– Você não vai encontrar uma bolsa de primeira, tem que ser persistente.
– Mestrados e doutorados em Portugal (falo dessa realidade, porque é a que eu conheço) são sempre pagos, e o preço, se comparado com um mestrado particular no Brasil, vale muito a pena!! E vc ainda pode conseguir uma bolsa!

Ps: Se você quiser ainda mais informações, não hesite em pedir! Tenho o maior prazer em ajudar e levar outras pessoas a ter uma experiência tão maravilhosa como eu tive.

Ana Cristina Eberhardt Lins
Rio de Janeiro/RJ

Experiências: Como é bom viajar…

Reading Time: 2 minutes

Uma das paixões da minha vida é viajar. Acho ótima a sensação de poder passar alguns dias longe da correria de São Paulo, podendo apreciar a natureza que Deus criou ou a criatividade que Ele deu aos homens, para que pudessem construir coisas tão legais, como por exemplo, um Parque de Diversões.

Com isso paro para pensar em um dos lugares que eu mais gostei de visitar ao longo desses anos: Bonito – MS.

Não vou conseguir descrever a beleza desse lugar em palavras, então deixo com vocês algumas fotos.
Quando eu era juniora, em uma das nossas reuniões, o líder que trouxe a palavra falou sobre como Deus poderia ter feito o mundo todo em escala de cinza. Mas, em vez disso, Ele criou uma infinidade de cores, cheiros, texturas, e como isso tudo é maravilhoso!


Que graça teria a cidade de Bonito – MS se aqueles rios tivessem a cor do Rio Tietê e se todos os peixes fossem iguais? Se todas as folhas das árvores fossem cinza e se na hora do almoço não pudéssemos sentir o delicioso aroma do assado?
Por isso, Louvo a Deus, que pensa em cada detalhe e que criou um mundo maravilhoso para habitarmos!


Obs: Se alguém quiser companhia para alguma viagem, é só me chamar! 😉

Ana Pydd
São Paulo-SP