Minha História de Amor – Mayara e Herter

OI Gurias !! Então vai lá. Um tempo antes de conhecer o Herter, fui em um acampamento onde teve uma oficina sobre namoro, ai a menina falou várias coisas a respeito disso e no final pediu para que fizéssemos uma carta para Deus, descrevendo como queríamos que fosse o nosso marido. Confesso que no início achei muito estranho, mas fiz igual. As loucuras que coloquei na lista vocês não tem noção. Eu detalhei tudo, cor do cabelo, altura, personalidade entre milhares de outras coisas. Saindo do acamps, continuei orando por aquele cara da lista, mas ainda era nova e nem pensava em namorar. Então, no ano de 2011, dia 17 de agosto para ser mais exata, estávamos nós bem belos no culto da igreja (OBS: tive uma semana de aula de bateria e o pr resolveu que eu tinha que tocar aquele dia, eu acabei com o louvor), quando de repente entra ele na igreja, mas foi aquela coisa assim, um visitante.

Depois do culto teríamos a festa do branco e preto e tínhamos feito branquinho e negrinho para a galera, aí descemos para o salão da igreja. Lá fiquei com minhas amigas quando vê minha mãe chega e diz: “vai falar com aqueles meninos“, e eu disse que não, que não conhecia eles, mas como ela era a líder e insistiu até eu ir. Então lá estava o Herter, com o violão no colo, uma jaqueta de couro marrom e uma blusa dos ramones. Conversamos um tempo e naquela semana nos add nas redes sociais (época do MSN ainda).

O tempo foi passando e fui conhecendo ele, um guri louco que amava festas, ficava com várias gurias, mas que estava na igreja todo final de semana, sempre prestando muita atenção em cada mensagem. Aí chegou o fato mais inacreditável da nossa história. Meu pai começou a convidar ele pra ir lá em casa, isso era janeiro e ele já tinha tomado a decisão por Jesus, parado de beber, começado a mudar de vida, mas enfim meu pai chamava ele lá pra casa. Gente vocês não tem noção, eu nunca conversei tanto com alguém na minha vida como com o Herter, e daí fui começando a sentir algo mas não queria sentir, não queria que isso estragasse a amizade que tínhamos, então toda noite orava: “Senhor eu não posso gostar dele, não deixa isso acontecer.”

Ai naquelas férias saímos todo dia juntos e com a galera claro, fomos acampar várias vezes, até que ele resolveu ir no APA (saiba o que é aqui), e veio me perguntar do jantar de gala. Eu expliquei pra ele na maior inocência, acreditem em mim, até que uns dias antes do acamps ele me convidou pra ir. Ah o acampamento foi maravilhoso! Deus falou muito comigo, mas principalmente com o Herter. Lá ele viu muitas coisas das quais precisava se arrepender e mudar, e eu fiquei muito feliz por ele, por que gente, um jantar de gala não diz nada. Até que chegou a hora de irmos embora. Sentei eu com minha irmã no banco do ônibus e ele sentou no banco do lado. Como todo mundo estava podre, de cara fomos dormir. Ai de vez em quando eu dormia, quando olhava pro lado ele estava me olhando, ai de repente em uma certa altura da viagem, ele tomou o celular de uma guria e escreveu algo do tipo: “não consigo dormir, só consigo pensar em ti” (não foram bem essas palavras, mas eu estava muito nervosa para gravar algo), e me entregou o telefone, e creio eu que meus olhos brilharam, ai eu escrevi: “somos dois, você me encanta”. E ficou nisso, fomos para casa, no outro dia quando cheguei no meu serviço abri o MSN e mandei pra ele: “aquilo que tu me falou ontem é sério ???” então ele disse que SIM.

Então eu disse que teríamos que orar, antes de qualquer coisa para sabermos se era mesmo isso que Deus queria para nossas vidas, conversei com meus pais, que não acharam muito bonita a história, (eu tinha 14 anos e um pai MEGA CIUMENTO). Mas concordaram que orássemos. Então o ano de 2012 foi de nos conhecermos, acabamos indo estudar na mesma escola e conversávamos demais, em menos de três meses, ele era meu melhor amigo e eu a melhor amiga dele. Fizemos vários combinados e um deles era dizer eu te amo quando tivéssemos certeza absoluta. Mas gente o ponto alto desse tempo de oração foi quando achei a dita cuja lista, chorei, chorei, chorei como criança. Ali vi a perfeição de Deus. Cada característica que tinha colocado na lista o Herter possuía. Aquele ano foi uma benção, mas estávamos alí firmes em oração, pois dependíamos dos meus pais deixarem que namorássemos, mas como falei eu era muito nova e tinha um pai MEGA CIUMENTO.

2012 passou e começamos 2013 com uma notícia não muito legal. Meus pais iriam se mudar para Cachoeirinha – RS e eu consequentemente iria junto, choramos uma noite inteira no telefone quando contei pra ele, e no dia 27 de fevereiro tive dizer tchau para aquele que eu via todo dia tendo a certeza de ser meu marido. Aquele ano pra mim foi terrível, os primeiros dois meses eu chorava todo dia. Não queria ter ido embora, não conhecia ninguém, não tinha amigos, a igreja e adoles eram totalmente diferentes do que eu estava acostumada, estava longe dos parentes que sempre foram uma base para mim, e além de tudo longe do Herter. Então em abril fui falar com meu pai, que queríamos namorar, ai já fazia 1 ano e 3 meses que orávamos, mas meu pai sempre muito ciumento não queria deixar. Ele disse que não, que eu era muito nova e que precisávamos esperar mais, pois eu só tinha 15 anos. Fiquei brava no início, mas tudo bem.

Então em maio, quando o Herter foi me visitar em Cachoeirinha o pai nos chamou para conversarmos, enrolou, enrolou, enrolou, até que lá pelas duas da manhã disse que poderíamos namorar. Nossa que alegria, passamos o feriado inteiro ligando pras pessoas queridas, e quando colocamos no face então, todo mundo muito feliz por isso. Mas quatro dias se passaram e o Herter voltou pra Giruá, e assim passamos dois anos, nos víamos uma vez por mês ou de dois em dois meses, aproveitávamos um pouco nas férias, mas era só. Mas a cada dia que passava nos aproximávamos mais e percebíamos que era esse o sonho de Deus para nossas vidas.

Em agosto Deus terminou de me dar certeza de que era o Herter, quando ele chegou e disse que iria para o seminário (na lista o ponto mais importante era que eu e meu marido precisávamos ter os mesmos sonhos e que NUNCA em qualquer situação os sonhos de um não fosse o sonho de outro, e logo quando me converti aos 5 anos Deus sempre falava ao meu coração que eu iria viver para o ministério), eu fiquei muito feliz, vendo que Deus estava encaminhando tudo. Em 2014 o Herter foi para o seminário e era mais difícil ainda nos vermos, as visitas começaram a ser menos frequentes e o desejo de estar juntos mais presente em nossos corações. Então começamos a falar sobre CASAMENTO.

Em setembro de 2014 coloquei meus pais sentados no sofá e disse: “Queremos casar”. Meu pai enlouqueceu e minha mãe disse que depois ele chorou, mas deixei bem claro nosso desejo, e que tínhamos certeza de que era o que Deus queria. Eles acharam que iriamos esquecer, mas no dia 22 de dezembro no amigo X da minha família, o Herter me pediu em casamento para meu pai. Então estávamos noivos, e em nossa cabeça o casamento seria dentro de um ano e marcamos a data: 09.01.2016.

12794875_1134515396583321_6377788700658083365_o

Naquele mesmo mês fomos pedir para meus pais para que eu voltasse para Giruá. Eu vinha orando a muito tempo por isso, e pedi para que o Herter orasse também, fizemos algumas propostas como de eu morar com uma amiga em Ijuí fazer a faculdade e ajudar final de semana no ministério em Giruá, e o que ouvimos foi um GRANDE NÃO. “A Mayara não vai sair de casa antes de casar”, foi o que meu pai disse. Então entendemos aquilo como resposta de DEUS e não insistimos.

Em 2014 terminei o ensino médio e na metade de janeiro me inscrevi no SISU, bem locona, só pra ver no que ia dar, e uma das cidades era Cruz Alta do lado de Ijuí, mas eu não sabia desse detalhe. Até que numa segunda feira chega uma mensagem no meu celular dizendo que tinha sido selecionada na primeira chamada do SISU. Pulei de alegria mas não sonhava com o que Deus estava planejando. Cheguei no escritório em que trabalhava, abri o site e vi, tinha passado para pedagogia em Cruz Alta. Minha mãe enlouqueceu e meu pai chorou, mas tudo o que tínhamos pedido aos meus pais, Deus encaminhou perfeitamente para que acontecesse.

Em 2015 fui morar em Ijuí, fazia faculdade em Cruz Alta e todo final de semana íamos a Giruá fazer ministério, ficava mais perto dos meus familiares e mais perto do Herter. Começamos a pesquisar as coisas para o casamento e começamos a ficar apavorados, pois era tudo muito caro e não tínhamos grana, éramos simples estudantes com pais sem grana nenhuma. E ai novamente entrou Deus com sua IMENSA GRAÇA E MISERICÓRDIA, a qual víamos todo dia na nossa história, provendo tudo que necessitávamos para o nosso casamento ser o mais lindo da história, um dos dias mais importantes da nossa vida.

Os meses foram passando e a ansiedade começou a bater, e a cada dia víamos que o sonho de casar não era simplesmente nosso sonho, mas sim um propósito de Deus para as nossas vidas, somos muito melhores juntos, fazemos as coisas muito bem feitas juntos, somos milhares de vezes mais felizes juntos.

Casamos, e hoje pertinho dos dois meses da casados, vejo que NUNCA encontraria alguém tão lindo quanto o Herter, tão atencioso e cuidadoso, tão apaixonado por Deus. Esse Deus maravilhoso que faz tudo a seu tempo, para que TUDO seja perfeito, e tenham certeza que o que Deus faz dura para sempre. E foi esse o versículo que escolhemos: “Eu sei que o que DEUS faz durará eternamente. Ec 3:14ª”.

12794840_1134515473249980_5853921694580336825_o

Tenham essa certeza meninas que o cara certo não será o mais lindo fisicamente, o mais inteligente ou popular, o cara certo será aquele que as levará para mais perto de Deus a cada dia de suas vidas, sendo respeitoso e leal a vocês, mas que acima de tudo seja leal a Deus, que ame a Deus em primeiro lugar, por que se o cara não amar a Deus em primeiro lugar não pode amar vocês no amor de Cristo que é o mais importante.

12783790_1134515436583317_2373892474693045446_o

Beijos Gurias, espero que sirva para edificar a vida de vocês.

Indicação História: Delize

*Queridas FéMeninas, o testemunho acima é para edificar a sua vida mostrando a fidelidade de Deus, no entanto baseie sua fé na Palavra de Deus. Testemunhos são experiências particulares que não podem ser usados como padrão para ação de Deus na sua vida. Deus tem uma forma particular para agir na vida de cada pessoa do corpo de Cristo.” :)

(Visited 339 times, 1 visits today)
Posted in Minha história de amor.

Gostou do post? Deixe seu comentário :)